sexta-feira, 10 de agosto de 2012

Para além do infinito


Meu amor, sei que estás a ultrapassar uma fase difícil, uma fase de medos e inseguranças. Eu entendo-te muito bem. E quero que fique bem claro que te amo mais que tudo e que não quero abdicar do que temos. Não quero ter de ficar sem ti, sem nós, sem o teu sorriso, sem o teu cheiro. Não quero que as nossas conversas acabem e que as nossas gargalhadas sejam caladas pela ausência, ou pelo fim. Não quero ter de viver sem aquilo que me mantém feliz. Tu, que dia após dia me conquistas, de uma forma sempre diferente e original. És alguém fantástico e único. E eu preciso de ti, mais do que os seres vivos precisam de oxigénio. És tu que fazes o meu coração bater e que crias borboletas no meu estômago. És tu que me apoias incondicionalmente. E és tu que eu quero apoiar incondicionalmente. Fazes me sentir útil e precisa. Fazes com que me sinta parte de algo, o algo que nós construímos. Obrigada por tudo sim? E não tenhas medo, de nada. Eu estou aqui para tudo. E o nosso amor é forte, acredita.
Amo-te, para além do infinito.

Sem comentários:

Enviar um comentário