quarta-feira, 19 de outubro de 2011

É a vida

A vida vai te por constantemente à prova. Vai deitar-te a baixo apenas com um objectivo, o de te mostrar que és capaz de te levantar sempre, não interessa as circunstâncias, só para te abrir os olhos para tu veres que aqui quem estabelece os "impossíveis" és tu. A vida nem sempre será o mais justa, mas estás aqui com um propósito não achas? Estás aqui para fazeres história, para sonhares, para brilhares na vida e teres óptimas experiências.
Se a pessoa que amas for embora deixa-a ir, algo que eu aprendi recentemente foi que "aquilo que é verdadeiro não volta, aquilo que é verdadeiro não vai", por isso deixa a tua porta aberta, abre os braços a quem queira entrar e mostra-lhe esse teu sorriso maravilhoso, quem quiser ir embora nem vale a pena uma despedida, não vale a pena uma única lágrima afinal de contas essa pessoa se fizesse parte da tua vida e se quisesse isso nem sequer pensaria em ir embora. As pessoas vêm e vão, conhecidos vêm e vão, mas aquilo que realmente na tua vida for verdadeiro nem por um segundo hesitará em dar-te a mão, em dizer-te que aprecia a tua maneira de ser, que és das melhores coisas que tem na sua vida.
Os sentimentos também vêm e vão, hoje aquilo que adoras amanhã pode já nem sequer ter graça. As coisas perdem a magia com o tempo, tal como essas pessoas que entram e saem da nossa vida. Há coisas que custam, há despedidas que doem, há momentos que ficam, há pessoas que marcam. Viver não é fácil, ninguém disse que seria, mas nunca ninguém afirmou que era impossível.
Há dias difíceis em que desistir parece a única fuga para os nossos problemas...mas há sempre alguém que te faça sentir bem, há sempre algo que gostes de fazer que te faça sentir como nova. Nem sempre a vida é justa, mas vais ver que amanhã o dia será melhor. As coisas tendem a melhorar, mesmo que não seja hoje, nem amanhã, mas elas mudarão e para melhor.
«O que realmente importa são as vidas que tocas ao longo do caminho e a forma como acabas a tua caminhada.»

Sem comentários:

Enviar um comentário